- - Terša-Feira, 26 de outubro de 2021                Busque:
Institucional

A determinação de alguns bancários em protagonizar a história do movimento sindical bancário no Vale do Paraíba, fez com que no dia 18 de novembro de 1987 fosse eleita, através de assembleia, a diretoria da Associação Profissional dos Empregados em Estabelecimentos Bancários de Guaratinguetá.

A criação desta Associação foi articulada pelos bancários Antonio Galvão Jordani Filho, Antônio José de Almeida, Gilberto Alves Diniz e Adilson E. Galvão de França, que eram diretores do Sindicato dos Bancários de Taubaté, mas trabalhavam em Guaratinguetá e consideravam a necessidade de um melhor atendimento às reivindicações da categoria nas cidades do chamado Fundo do Vale.

Em 18 de abril de 1988, também através de assembleia, foi eleita a Diretoria Provisória do Sindicato dos Bancários de Guaratinguetá, diretoria esta ratificada através de eleição em 1989, e que já contava com a participação de diretores que fizeram e fazem a história de nosso Sindicato, como Daisy Costa F. de Oliveira, José Mário M. Costa, Jurcy Q. Moreira, Osmair Pouza Travezani, Paulo C. Barros de Miranda, Rosana Aparecida Thomé, Rosana B. Prado, entre outros, e que deram muito de si na construção e consolidação de nossa entidade.

Entramos no cenário sindical nacional organizando a categoria em treze cidades da base do Sindicato onde trabalhavam mais de 1.900 bancários, com paralisações, manifestações e muita luta, como a campanha em 1991 contra o fechamento do CESEC e CPDs de Guaratinguetá. Campanha esta, que entre várias providências coletou um abaixo-assinado que obteve mais de 20 mil assinaturas, obrigando o poder público a abraçar nossa causa e com isto manter o emprego dos bancários ameaçados de dispensa ao longo de mais de quatro anos.

Nas grandes mobilizações nacionais em defesa da democracia e dos trabalhadores sempre estivemos presentes: fomos o segundo sindicato do Estado de São Paulo a organizar uma manifestação popular, juntamente com outras entidades sindicais e políticas de Guaratinguetá, pedindo o “impeachment” de Fernando Collor em 08/08/1992.

Ao longo do tempo nosso Sindicato atuou em sintonia com o movimento sindical bancário nacional ratificando grandes conquistas trabalhistas, como por exemplo, piso nacional de salários, concessão de Vales Refeição/Alimentação, Participação nos Lucros e Resultados, criação das Comissões de Conciliação Prévia (fomos o segundo sindicato bancário no país que firmou este acordo, em 1993) e também a assinatura da Convenção Coletiva de Trabalho Nacional (CCT) em 1992 - um marco na luta da categoria (convenção esta que dispõe inclusive contra assédio sexual e moral).

Sem esquecer o aspecto social, cultural e esportivo, em 1992 o Sindicato comprou um terreno de 24 mil metros quadrados e iniciou a instalação do Clube de Campo dos Bancários, sendo inaugurada em 1994 a primeira fase de construção, com duas quadras esportivas, campo de futebol Society, vestiários, caramanchão com churrasqueira e banheiros.

Atualmente o Clube possui salão social, piscinas, sauna e é palco de festividades, tanto particulares dos sócios bancários quanto da categoria, através de promoções como festa junina, dia das crianças, dia do bancário e campeonatos esportivos, entre outras atividades. Nossa sede está localizada no centro de Guaratinguetá e atualmente contamos com uma subsede em Cruzeiro para atender também as cidades do Vale Histórico. Em 2012 completamos 25 anos de existência produtiva, unindo forças com toda a categoria para continuarmos escrevendo diuturnamente a história do movimento sindical bancário em nossa região e no Brasil, buscando o melhor para todos e reafirmando SEMPRE, que BANCÁRIO UNIDO JAMAIS SERÁ VENCIDO!

Sindicato dos Bancários de Guaratinguetá e Região 2021 - Todos os direitos reservados ®
SEDE: Rua Duque de Caxias, 56 - Centro - Guaratinguetá (SP) | SUBSEDE: Rua Engenheiro Antônio Penido, 814 Sala 24 - Centro - Cruzeiro (SP)
Desenvolvimento: